Como o EGO atrapalha seus relacionamentos


Procurando por "relações nessa era digital", me deparei com uma crônica escrita por uma moça chamadas Isis.


Isis relata sobre uma garota extremamente carente, que subtende que a resposta positiva das pessoas se dão em numero de curtidas e todo esse blá blá blá que já sabemos do mundo virtual. 


O que vemos hoje em dia é esse tipo de comportamento, que está ligado diretamente a rejeição. Ao medo de não ser reconhecida, amada e desejada. Levando o comportamento de submissão, falta de auto valorização e baixa autoestima. Vira um círculo vicioso de sentimentos ruins, somatizando uma dor profunda.


Quando nos conhecemos e sabemos sobre nossos limites podemos viver de uma forma mais leve, aprendendo inclusive a dizer 'não'. Quem não se conhece, não conhece seus anseios, desejos e também seus limites, e isso torna-se impossível de você se mostra para o mundo quem você realmente é. Como dizer pro outro quem você é, se nem você sabe essa resposta?


Pra ficar claro então, em como o EGO pode atrapalhar seus relacionamentos, é saber que o EGO é quando você precisa de estímulos externos para se sentir bem, a AUTO ESTIMA é quando esses estímulos são internos.

Leia agora a crônica e tire suas conclusões.


EGO DE JOAQUINA


Joaquina era uma menina linda, meiga, carinhosa e carente ao extremo. Seu passatempo preferido era fazer selfies e postar fotos com roupas nada sensuais nas redes sociais.

Infelizmente era uma mulher bonita, mas que possuía um péssimo gosto para se vestir. Confundia o sensual com o vulgar, pendendo sempre para o exagero.

Ao conhecer alguém, sua primeira atitude era a de se oferecer por inteiro como forma de “gratidão e dedicação” para a pessoa aceitar tê-la como namorada.

Ela realizava todos os desejos e desmandos dos namoricos que arranjava. E logo de início já criava os sonhos de “ser de alguém”, “ter alguém” e “para sempre”. Mas como todos sabemos, o “para sempre” não existe, não é mesmo? Tudo nessa vida é transitório, inclusive nós mesmos.

A menina Jô continuava tendo casos rápidos, se apaixonando por suas próprias expectativas e criando suas ilusões, sem olhar para a realidade do outro com o qual ela se envolvia. O outro era um mero detalhe. O que importava mesmo era a sensação que aquele sentimento lhe causava e a pequena dose de massagem em seu ego para poder ostentar para os outros no Facebook.

Seus amigos também eram pessoas de pouco gosto refinado, de pouca inteligência ou de caráter duvidoso, pois alimentavam seu ego com elogios, mas não lhe davam toques de realidade.

Mais uma vez, no segundo relacionamento de pouco menos de um mês, Joaquina se desapontou. Houve um rompimento por parte do cara que, com pena dela, terminou por telefone e disse que o problema era com ele, não com ela. Contudo, várias pessoas já sabiam do término, menos ela, que foi a última a tomar conhecimento do ocorrido.

De repente num ímpeto de fúria e revolta, Joaquina foi em sua rede social e postou que todos os homens não prestam e são moleques… que todos só querem comer e usar as mulheres e blablabla.

Poucos amigos lúcidos falavam a ela para dar uma repaginada em sua vida, em seu facebook, em seus comportamentos, etc. Mas entrava por um ouvido e saía pelo outro. Sabe por quê? Joaquina ainda não estava na idade mental de aprender a se remodelar. Viver em círculos é mais fácil do que sair da zona de conforto.


MORAL DA HISTÓRIA:


Se você quer resultados diferentes em sua vida, mude seu comportamento e suas atitudes! Mas primeiro tenha a humildade de olhar para dentro de si mesmo e fazer uma autoanálise do porquê de as coisas não estarem dando certo em sua vida ou não saindo conforme você espera. Saia do círculo vicioso! Pare de andar girando no mesmo ponto!


O que você achou desse texto? Faz algum sentido na sua vida atual?

Me mande um e-mail e conte-me sua experiência.


Bj no 💗

Pri Castro



Esse site fala para mulheres que desejam se libertar de emoções e sentimentos negativos. Os temas e conteúdos aqui vão te ajudar a despertar seu amor próprio e reencontrar seu poder feminino. Os pensamentos e histórias são nas minhas experiências e estudos como mulher e como terapeuta.

Temas: autoconhecimento, relacionamentos, sexualidade, autoestima, desenvolvimento e poder pessoal, motivação empreendedorismo e experiências de vida.

#terapiadofeminino #eft#metafisicadasaude #meditaçao#terapiaemocional #terapiadasexualidade#terapeuta #coachderelacionamento#autoconhecimento#expansaodeconsciencia #sexualidade#inteligênciaemocional #amorpróprio#empoderamentofeminino#sagradofeminino #autocura #mente#amorproprio #liberdadeemocional#relacionamento #despertaremocional#sentimentos #emoçoes #terapiaonline#autoestima #autoajuda #saudeemocional#terapiadamulher #setembroamarelo#louisehay



Crônica da Isis Ahava.

Fonte: www.cursodesensualidade.com.br

65 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo